Protesto na Câmara






Ocupantes de uma área próxima ao conjunto Cidade verde, em Paço do Lumiar, prometem voltar nesta terça-feira (21) à Câmara Municipal para cobrar explicações sobre suposta influência da vereadora Mary do Mojó na expedicão do mandado de reintegração de posse, cumprido na quinta-feira (16).

Segundo os ocupantes, um suposto áudio da vereadora defendendo a derrubada dos casebres vazou em uma rede social.

O áudio teria sido gravado durante uma reunião da parlamentar com moradores do conjunto Cidade Verde.

A vereadora não foi encontrada para falar sobre o assunto.

Fundação Antonio Jorge Dino realiza Semana de Prevenção do Câncer em Presidente Vargas






Fundação Antonio Jorge Dino realizou de 30 de agosto a 4 de setembro, em Presidente Vargas (MA), a Semana de Prevenção ao Câncer.

Durante a semana os moradores tiveram acesso a informações sobre a importância da prevenção, diagnóstico precoce e tratamento da doença.

Segundo o presidente da Fundação, Antonio Dino, quem participou do evento teve acesso também a consultas com especialistas e passou por exames para prevenir e detectar o câncer.

A Semana de Prevenção foi realizada em convênio com a prefeitura de Presidente Vargas.

Segundo a prefeita Fabiana Mendes, as pacientes diagnosticadas com a doença iniciarão o tratamento imediatamente no Hospital Aldenora Bello.

Para Antônio Dino, parcerias como essa são importantes. De acordo com Dino, por falta de informação e em alguns casos por medo, pacientes deixam de procurar o médico para fazer o diagnóstico e tratamento correto da doença.

“O diagnostico precoce é importante, mas a falta de informação e o medo acaba afastando as pessoas do consultório médico, por isso é importante firmar parcerias como essa. Ela aproxima o profissional da Saúde do paciente”, afirmou.

Justiça determina que CAEMA restabeleça fornecimento de água

 



A CAEMA (Companhia de Saneamento Ambiental do Maranhão) deve restabelecer, no prazo de 15 dias, o fornecimento de água aos moradores do Residencial Jomar Moraes. A determinação é do juiz titular da Vara de Interesses Difusos e Coletivos de São Luís, Douglas de Melo Martins, ao deferir o pedido de tutela de urgência, na ação civil pública ajuizada pelo Instituto Brasileiro de Estudo e Defesa das Relações de Consumo.

Conforme o Instituto, a rigor, o abastecimento de água do Residencial Jomar Moraes deveria ser realizado através da rede de distribuição da CAEMA, localizada na Avenida Joaquim Mochel, por intermédio de uma linha de adução. Segundo o autor da ação, os milhares de moradores estão há meses sem o efetivo abastecimento, agravando-se, de acordo com o Instituto, pela péssima qualidade da água recebida.

Na decisão, o magistrado destaca que a água é um bem essencial à coletividade, “sendo impensável privar a sociedade de serviços como abastecimento de água e coleta de esgoto, especialmente quando há a rede implementada para prestação desse serviço”.


Presidente Bolsonaro participa de manifestação pró-governo em Brasília

 



O presidente Jair Bolsonaro participou hoje (7) de ato a favor do governo, na Esplanada dos Ministérios, em Brasília. Os manifestantes também levavam cartazes em defesa do voto impresso e contra o Supremo Tribunal Federal (STF).

Bolsonaro ficou no local por cerca de meia hora e discursou em um carro de som, acompanhado de ministros. Ele reafirmou que as autoridades devem agir dentro dos limites da Constituição e fez referência a decisões do STF, onde é alvo em quatro investigações. “Não podemos continuar aceitando que uma pessoa específica, da região [da Praça] dos Três Poderes, continue barbarizando a nossa população”, disse.

“Ou o chefe desse Poder enquadra o seu ou esse Poder pode sofrer aquilo que nós não queremos. Porque nós valorizamos, reconhecemos e sabemos o valor de cada Poder da República. Nós todos aqui na Praça dos Três Poderes juramos respeitar a nossa Constituição. Quem age fora dela se enquadra ou pede pra sair”, completou.

Bolsonaro disse que amanhã (8) terá reunião com ministros e também com os presidentes da Câmara, Arthur Lira, do Senado, Rodrigo Pacheco, e do STF, Luiz Fux. “Com esta fotografia de vocês [das manifestações de hoje], vou mostrar pra onde nós todos devemos ir”, disse aos apoiadores.

No fim da manhã, o presidente embarcou para São Paulo, onde participa de ato na Avenida Paulista nesta tarde. Após o discurso do presidente, os manifestantes começaram a deixar a Esplanada.

De acordo com a Polícia Militar do DF, uma pessoa foi detida, por portar drogas e quatro celulares. Outro flagrante foi registrado atrás do Ministério da Economia, por porte de drogas e de arma branca. A pessoa assinou Termo de Compromisso e foi liberada. A PM encontra-se com efetivo em toda a área central da capital, monitorando a movimentação dos manifestantes contra o governo e pró-governo. Pela manhã, também houve atos contra o presidente, em Brasília.


“Operação Iuvante” da Polícia Civil prende duas pessoas por tráfico de drogas na região do Maracanã

 



A Polícia Civil do Maranhão deflagrou nas primeiras horas da manhã desta quinta-feira (2), uma ação policial batizada de “Operação Iuvante”, com o objetivo de dar cumprimento à mandados de busca e apreensão contra alvos investigados pelo crime de tráfico de drogas na Vila Sarney, região do Maracanã, zona rural de São Luís.

As investigações que foram conduzidas pela Superintendência Estadual de Repressão ao Narcotráfico (SENARC), descobriram a existência de uma rede criminosa voltada para o crime de tráfico de drogas da zona rural da capital maranhense.

Com as participações de 50 policiais civis da Superintendência Estadual de Investigações Criminais(SEIC), da Superintendência de Policia Civil da Capital (SPCC) e da Superintendência de Homicídios e de Proteção à Pessoa (SHPP), a operação conseguiu prender duas pessoas, além de apreender uma arma de fogo e cerca de meio quilo de maconha.


Prefeito Eduardo Braide participa de inauguração da loja Havan, em São Luís

 



O prefeito Eduardo Braide participou, nesta quarta-feira (1º), da inauguração da loja Havan de São Luís, que abriu as portas ao público nesta quinta-feira (2). Com a abertura da loja na capital, a primeira em todo o Maranhão, serão incrementados 200 novos postos de trabalho com carteira assinada, melhorando os índices de emprego na cidade. 

“São Luís fica feliz de receber um presente como esse, que vai gerar mais emprego, renda e desenvolvimento no mês de seu aniversário de 409 anos. A nossa cidade, que já é conhecida como Ilha do Amor, também será conhecida como a cidade das oportunidades, pois empreendimento como esse, da Havan, nos trazem a esperança de que mais empregos serão gerados e mais pessoas terão oportunidade aqui em São Luís”, destacou o prefeito Eduardo Braide. 

De acordo com o empresário e dono das Lojas Havan, Luciano Hang, a oportunidade de emprego é uma das principais missões do empreendimento, que já conta com mais de 20 mil colaboradores em todo o país.

“Hoje é um dia histórico para a nossa empresa, mais uma filha nasce aqui, no Maranhão. A cada loja nova que abrimos, nós percebemos uma alegria imensa nos olhos dos nossos novos colaboradores, porque emprego é sinônimo de alegria, independência e liberdade”, disse o empresário durante pronunciamento aos novos colaboradores, oportunidade em que agradeceu o prefeito pelo apoio prestado. 

Também participaram do momento de integração com os colaboradores, o presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) da capital, Fábio Henrique Ribeiro, e o presidente da Câmara Municipal de São Luís, vereador Osmar Filho. 

“A gente se sente muito feliz em receber um empreendimento desta envergadura, que vem contribuir com a geração de emprego, renda, oportunidades à cidade de São Luís”, disse o vereador Osmar Filho. 

“É mais um empreendimento chegando à nossa cidade com mais empregos diretos e indiretos, e para nós da CDL é uma satisfação”, completou o presidente da CDL - São Luís. 

A loja Havan de São Luís está localizada no Cohajap e conta com 20 mil metros quadrados de área construída, resultado de um investimento de mais de 41 milhões de reais necessários para a construção da unidade, que é um dos prédios mais modernos da região e que contribui, significativamente, para a urbanização da Avenida Daniel de La Touche, uma das mais importantes e movimentadas da capital maranhense.


Rede do Bem lança Setembro Amarelo na Vila Embratel

 

 



Com o plantio de quatro mudas de árvores na Praça 1º de Maio, no bairro Vila Embratel, a Rede do Bem, coordenada pelo Ministério Público do Maranhão, lançou na manhã desta quarta-feira, 1º de setembro, a campanha Setembro Amarelo, que objetiva prevenir o suicídio e a automutilação entre crianças e jovens, durante o mês. A Rede do Bem é formada por instituições e órgãos integrantes do Fórum Estadual de Prevenção da Automutilação e do Suicídio (Fepas-MA).

“Esta atividade tem o objetivo de destacar a importância da arborização para o bem-estar e melhoria da qualidade de vida da população, conforme ressalta a Organização Mundial da Saúde (OMS). Inclusive, as árvores contribuem também para a saúde emocional e mental da população. Por isso, estamos aqui para reafirmar que a nossa sociedade quer uma cidade arborizada”, afirmou a promotora de justiça Cristiane Maia Lago, coordenadora do Centro de Apoio Operacional de Direitos Humanos do MPMA e da Rede do Bem.

No logradouro, foram plantadas duas mudas de ipês, uma de um jacarandá e outra de pau-brasil. Durante o plantio, a banda de música da Guarda Municipal apresentou várias músicas de teor popular. Representantes do Executivo Estadual e Municipal, do Legislativo Estadual, da Polícia Militar e de entidades da sociedade civil, parceiras do Fórum, estiveram presentes na abertura.

Outras intervenções devem ser feitas em breve na Praça 1º de Maio, como a troca da iluminação dos postes, segundo informações do Instituto Municipal da Paisagem Urbana (Impur).

Além das intervenções na praça, a Vila Embratel será contemplada pela campanha com palestra e atividades educacionais, no dia 10 (Dia Mundial de Prevenção ao Suicídio), na escola comunitária Fonte do Saber, que reúne mais de 100 crianças, com faixa etária de 4 a 11 anos.

A ideia da campanha em 2021, conforme destacou Cristiane Lago na abertura, é focar no público infantojuvenil. “Nós precisamos alertar que as doenças mentais também se manifestam nesse público. Há casos de automutilação e de suicídio entre crianças”.

PREVENÇÃO

Em seu pronunciamento, a primeira-dama do município, Graziela Braide, parabenizou a campanha por ter como foco a saúde mental de crianças e adolescentes. “Nós vivemos um momento de pandemia, quando muitas pessoas estão com a sua saúde mental afetada, tanto crianças quanto adultos. Mesmo antes da pandemia, problemas de depressão e ansiedade já eram recorrentes. Por isso, o trabalho de prevenção de doenças relativas à saúde mental é de grande importância”. Disse.


O secretário de Estado de Direitos Humanos e Participação Popular, Francisco Gonçalves, também ressaltou que os problemas decorrentes da crise sanitária e das políticas implementadas pelo Governo Federal agravaram a situação de vulnerabilidade social dos brasileiros mais pobres. “Desemprego, fome, baixa escolaridade geram incerteza e insegurança quanto ao futuro, aumentando a violência social no país. Este ambiente político e econômico atinge profundamente a saúde mental dos brasileiros”.

Também se pronunciaram a chefe do Departamento da Atenção à Saúde Mental da Secretaria de Estado da Saúde (SES), Isabelle Rego, e odeputado estadual Welington do Curso.

Igualmente estiveram presentes a secretária de Meio Ambiente do Município de São Luís, Karla Lima, o representante do Impur, Lucas Lucena, a gerente da clínica Estância Bela Vista, Sheila Guedes.