.

No Maranhão, prefeito é cassado pelo TSE e Município terá nova eleição



Raimundinho Lídio


O ministro do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Alexandre de Moraes, indeferiu o registro de candidatura de Raimundo de Oliveira Filho, o Raimundinho Lídio (como é conhecido), candidato a prefeito de Paulino Neves, nas Eleições 2020, onde venceu o pleito, e determinou, por consequência, a realização de novas eleições no município.

Pesa contra Raimundinho duas demissões do cargo de Analista do Seguro Social do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), uma do Ministério da Previdência Social (concessão ilegal de benefícios previdenciários e outra do Ministério do Desenvolvimento Social (inassiduidade habitual). As sanções o tornam inelegível.

Com informações do Luís Cardoso




Nenhum comentário:

Postar um comentário