.

Programa TransformAgora é realizado em Imperatriz

 

 



Nesta segunda-feira, 7, a cidade de Imperatriz recebeu a terceira edição do programa TransformAgora. A ação institucional do Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Maranhão (Sebrae-MA), em parceria com o Ministério Público do Maranhão (MPMA), Tribunal de Contas do Estado do Maranhão (TCE-MA), Controladoria Geral da União (CGU) e Secretaria de Estado da Indústria e Comercio e Energia (Seinc), busca discutir a importância da ética e integridade no meio empresarial. A atividade foi realizada no mezanino superior do Centro de Convenções do município.

 A programação foi iniciada com a palestra “Corrupção: o concorrente desleal do mercado. Proteja sua empresa e conquiste melhores oportunidades”. Em seguida, aconteceu um ciclo de painéis e debates com agentes públicos e privados sobre a manutenção de um ambiente favorável ao Compliance.

Entre os destaques está a importância da implementação da cultura dos controles internos nas gestões empresariais e públicas como fator gerador de riqueza ao município, de forma que os entes envolvidos estejam aptos a atuarem nesse sentido.

O promotor de justiça Marco Aurélio Batista Barros, coordenador do projeto “Ética e Integridade Empresarial na Prevenção da Corrupção” no MPMA, ressaltou a importância de que a ética e a integridade sejam valores importantes para empresas e para o mercado. “Sabemos que 5% do PIB mundial vai para a corrupção e todos nós reclamamos disso. Então, é algo que precisa começar por nós mesmos, das empresas enxergarem essa necessidade”.

O assessor especial do procurador-geral de justiça do MPMA também enfatizou que a atuação do Ministério Público do Maranhão tem deixado de ser apenas posterior aos fatos, com foco na punição, apostando em uma atuação preventiva em relação aos atos de corrupção.

Para o procurador-geral de justiça, Eduardo Nicolau, a atuação proativa na prevenção da corrupção é um incentivo para o desenvolvimento do Maranhão. Como exemplo de ação de transparência na gestão pública, ele citou a transmissão ao vivo dos processos licitatórios do Ministério Público maranhense. “Transparência não é só pedir. É também fazer. O Maranhão precisa crescer e esse esforço inicia com posturas que previnam e afastem a corrupção. Fazer isso é estar ao lado do povo e é por isso que o Ministério Público está aqui: porque é o parceiro do povo para a boa aplicação do dinheiro público”, afirmou.

Também estiveram presentes à programação em Imperatriz o diretor da Secretaria para Assuntos Institucionais do MPMA, José Márcio Maia Alves; a coordenadora do Centro de Apoio Administrativo de Defesa do Patrimônio Público e da Probidade Administrativa (CAOp-ProAd), Nahyma Ribeiro Abas; e os promotores de justiça Newton de Barros Bello Neto (3ª Promotoria de Justiça Regional de Defesa da Ordem Tributária e Econômica) e Raquel Chaves Duarte Sales (3ª Promotoria de Justiça Criminal/Gaeco de Imperatriz)

TARDE

No período da tarde serão realizadas visitas técnicas em órgãos e empresas de Imperatriz. O objetivo da proposta é promover momentos de diálogo com empresas e instituições, abordando as temáticas do empreendedorismo, integridade, compras públicas e setores produtivos.

O público-alvo dessas visitas são empresários, entidades representativas como sindicatos, secretarias municipais, promotorias, incluindo autoridades e representantes de órgãos nos municípios e imprensa.

Além de Imperatriz, que inicia a rodada do TransformAgora, outras seis cidades do estado receberão a programação durante o mês de fevereiro. São os municípios de Açailândia (08), Balsas (10), Bacabal (15), Pinheiro (17), São Luís (18) e Timon.


Nenhum comentário:

Postar um comentário